Marketing para franquias: 3 dicas para fazer seu negócio deslanchar

O marketing para franquias, muitas vezes, tem restrições impostas pela franqueadora ao franqueado. A criatividade, contudo, deve ser o caminho para que o empreendedor fidelize a clientela, venda mais e, assim, amplie sua atuação no mercado.

marketing para franquias

Conhecer detalhadamente o público que deseja atingir, atuar nas redes sociais e construir relacionamentos duradouros com clientes a partir da excelência no atendimento devem ser os alicerces para fazer o seu negócio deslanchar. Leia o post e entenda o porquê!

1. Estude o público-alvo

Você conhece os seus clientes? Você compreende os problemas e as dúvidas do público que deseja atender? Estudar o consumidor-alvo do negócio é a primeira etapa para desenvolver a maneira de abordagem, a linguagem e as formas de comunicação que a empresa deve adotar.

O empreendedor deve saber onde essas pessoas estão, de que maneira eles desejam se relacionar com a marca e quais são os valores que eles reconhecem. Se você não sabe por qual caminho começar, construa o hábito de conversar muito com a sua clientela. Ler bastante também ajuda: pesquisas, reportagens e materiais podem fornecer informações valiosas sobre hábitos do mercado.

Uma boa dica é montar uma pesquisa de satisfação. Por meio dela, solicite que os consumidores deem opiniões sobre o atendimento, os processos e os produtos oferecidos por você. Deixe um espaço para a proposição de melhorias. O feedback dado por eles pode ser o início de alterações significativas no empreendimento.

2. Invista nas redes sociais

Muitas franqueadoras permitem que os franqueados locais possuam perfis em redes sociais. Esses canais possibilitam o fortalecimento  do relacionamento com os clientes e são um meio de atingir consumidores em potencial.

Dados divulgados pelo Facebook, a maior rede social do mundo, revelam que 45% da população brasileira acessam o site mensalmente — nada menos do que 102 milhões de pessoas. Esse universo deve ser explorado para o fechamento de novos negócios.

Além disso, plataformas como o Facebook e o Instagram, outra rede muito popular, disponibilizam recursos avançados de publicidade. Entre as funcionalidades estão a segmentação detalhada do público-alvo e a possibilidade de definir o limite diário a ser investido em propaganda.

3. Construa relacionamentos com clientes

Em marketing, muito se fala na busca diária pelo encantamento do cliente. Consumidor satisfeito significa retorno garantido e a propagação do bom serviço prestado por meio do poderoso “boca a boca”. Mas, como fazer isso?

Superar as expectativas do consumidor deve ser perseguido com ações simples, mas que reunidas oferecem um diferencial significativo. Desenvolver um atendimento personalizado, atento às necessidades e particularidades de cada indivíduo, é um ponto importante para atingir esse objetivo. Assim, estimular a empatia e a agilidade dos colaboradores a partir de treinamentos específicos é um procedimento que traz resultados na fidelização de clientes.

A atenção ao pós-venda é outra ação que constrói relacionamentos positivos com os consumidores. Por meio de uma ligação ou de um simples contato pelo WhatsApp a empresa pode ter um feedback importante para aprimorar processos.

Questione sobre como foi o atendimento, se a mercadoria fornecida estava funcionando bem, se o problema que o consumidor queria resolver foi, de fato, solucionado. Caso ele relate algum problema, o contato será a chance de reverter uma insatisfação.

Como podemos ver, o marketing para franquias pode ser construído por meio do investimento na relação entre empresa e consumidor. Seja pela presença física, seja pelas redes sociais, ao conhecer o público para qual o serviço é prestado seu negócio estará apto a oferecer um atendimento superior e, assim, pronto para fidelizar a clientela e conquistar o mercado.

Tem vontade de investir em uma franquia? A Casa do Construtor é uma oportunidade para você. Entre em contato conosco e saiba mais!