Qual é a importância do branding de franquia e como fazê-lo?

O bom posicionamento de uma marca no mercado está muito associado às estratégias escolhidas para que isso se torne possível. Entre elas, temos o branding de franquia. É importante destacar que branding se trata de um conjunto de ações específicas de comunicação de uma empresa com o intuito de levá-la ao reconhecimento pelo público consumidor.

Em um mundo cada dia mais competitivo, o diferencial das empresas deve ser construído por meio de técnicas que atraiam clientes e façam com que eles se reconheçam em e se identifiquem com as marcas. Assim, é possível criar um relacionamento capaz de influenciar no momento de decisão da compra de determinado produto ou serviço.

Neste post, selecionamos algumas estratégias desenvolvidas para ganhar o coração e a mente dos clientes, e, assim, criar mais autoridade em meio aos concorrentes. Acompanhe!

a-importancia-do-branding-de-franquia-e-como-fazer

Aposte no marketing de experiência

Alguns consumidores criam relacionamentos com determinadas marcas e alcançam um nível de satisfação muito além do convencional, transformando-se em verdadeiros entusiastas delas.

No caso das franquias, muitos dos franqueados começam nesse ramo como clientes não só pela oportunidade de negócio, mas também pela credibilidade emanada da marca em questão. Afinal, só vale a pena representar algo que seja digno de confiança e esteja aliado às expectativas de retorno financeiro sobre o investimento empreendido no negócio.

Partindo desse entendimento, fica fácil perceber o impacto da credibilidade na mente do consumidor fiel. O trabalho de marketing bem-feito cria uma memória afetiva que permite a associação da marca a uma sensação autêntica de felicidade e realização. É a experiência positiva do cliente proporcionada por uma estratégia certeira, originada de um conhecimento mais profundo sobre aquele público.

A partir disso, é necessário promover melhorias contínuas mantendo o consumidor cativo. Graças a essa experiência positiva, o próprio cliente será o seu porta-voz e não só indicará a sua marca publicamente como a defenderá.

Lembre-se, ainda, que embora o marketing de experiência seja constantemente associado às ações arrojadas em pontos de venda, as iniciativas podem e devem ser diversificadas. Dentre elas, é aconselhável manter um site responsivo, com fácil navegação, fornecer atendimento diferenciado nas lojas, enviar e-mails personalizados, enfim, atitudes focadas na experiência satisfatória do usuário.

Promova um bom posicionamento da marca

É fundamental saber como apresentar os valores da sua marca ao mercado, justificando os motivos para que o cliente consuma os seus serviços/produtos e não os do concorrente. Esse posicionamento implica também em convencer as pessoas de que é melhor pagar mais caro pelo que você oferece em troca de uma experiência de consumo melhor.

Essa experiência deve ser entendida como uma performance ampla, abrangendo tudo o que o cliente ganha quando opta pela sua marca e não por outra similar. O posicionamento é o último degrau de um trabalho de branding. Quando todo o plano elaborado pode evidenciar os valores da sua marca no mercado, é algo já estabelecido.

Por isso, é essencial estruturar muito bem esse trabalho a fim de garantir o sucesso da sua estratégia de marketing. E, para não cometer erros, é importante reunir o máximo de dados sobre o funcionamento do mercado e o comportamento do público que você deseja atingir.

Padronize a sua marca

Quando se fala em franchising, é preciso ter em mente que o reconhecimento de uma marca está diretamente ligado à padronização. Isso é vital em todo projeto arquitetônico dedicado a franquias. Padronizar é o mesmo que uniformizar, mantendo as cores, o mobiliário, a fachada, os elementos internos e externos, todos definidos conforme as normas criadas para a comunicação visual da empresa.

Podemos citar como exemplo as redes de fast-food, que são facilmente reconhecíveis em meio a outras do mesmo ramo, dispostas lado a lado. Isso acontece em razão da padronização, que mantém a identidade daquela companhia em todas as unidades.

Por isso, o projeto arquitetônico precisa estar perfeitamente alinhado com as estratégias da empresafranqueada. Além disso, é necessário manter um padrão de atendimento ao cliente, lembrando que o consumidor procura a unidade de uma determinada franquia contando com a confiança e a satisfação às quais está acostumado a ter em todos os lugares.

A experiência de consumo também deve obedecer aos padrões estabelecidos. Só assim os clientes permanecerão encantados e dispostos a continuar fiéis à sua marca. Lembre-se que uma experiência desagradável em uma única unidade pode colocar a credibilidade da rede toda em risco.

Assim, é importante construir um branding de franquias integrando toda a rede por um mesmo objetivo, focando na mensagem que a marca pretende passar aos clientes e no posicionamento estratégico. Isso ajuda a elevar as ações a um nível alto mesmo nas localidades que apresentam realidades distintas.

A missão voltada a essa padronização pode ser desafiadora, uma vez que demanda atributos específicos, como uma comunicação interna competente e treinamento dos franqueados e da equipe de colaboradores.

Adapte-se aos mercados locais

Manter a padronização da marca e ao mesmo tempo adaptar-se ao mercado de cada localidade é trabalhoso, mas o esforço é recompensador. Não se esqueça que tudo é direcionado à conquista do consumidor e cada lugar tem as suas peculiaridades.

Respeitar as diferenças de cada região é fundamental para evitar que os resultados fiquem comprometidos. Por mais que a sua rede seja forte e bem posicionada, todo cuidado é pouco na hora de estabelecer ações com base nas características locais.

Desse modo, o franqueado que já domina a realidade do local pode propor as condutas pertinentes com a devida supervisão da franquia, respeitando o padrão adotado enquanto promove as adaptações possíveis.

Valorize o PDV

A valorização do branding para franquias deve ser reforçada com um bom trabalho no PDV, tomando o cuidado adequado para expressar a ambientação da loja com os diferenciais da marca.

De olho na padronização e no posicionamento correto da franquia, os franqueadores precisam garantir que as informações necessárias cheguem até os gestores das lojas. Além disso, é indispensável um trabalho educativo a respeito da necessidade de cuidar da comunicação visual do estabelecimento em todos os seus detalhes.

Esse desafio não pode ser menosprezado, já que não é difícil acontecer falhas durante o processo de comunicação. Essa ação deve ser implementada com eficiência para todos os envolvidos compreenderem as vantagens do branding para franquias de maneira padronizada.

Um trabalho eficiente de branding tem o poder de consolidar a boa reputação de uma marca no mercado. Além de construir credibilidade e confiança, sinaliza as grandes vantagens de manter profissionais bem preparados e engajados.

Em modelos de franquia, todo o trabalho empreendido é mais complexo e exige muito empenho de todos os envolvidos. No entanto, uma estratégia bem-feita fortalece a imagem da organização, que ganha reconhecimento no mercado e uma valiosa relação com o consumidor.

Viu como o branding de franquias pode trazer potencial para a sua marca? Não deixe de investir nessa prática e você verá os benefícios que a sua rede conquistará.

Para saber mais sobre estratégias imbatíveis para melhorar ainda mais os seus negócios, assine a nossa newsletter! Fique por dentro de tudo o que pode contribuir cada vez mais com a evolução dos seus negócios.