Saiba como uma franquia pode reduzir os riscos do empreendimento

Quando alguém decide abrir o próprio negócio, tem que estar ciente de um fato: as dificuldades farão parte de sua rotina. Apesar dos desafios do empreendedor serem diversificados, é possível diminuir os riscos do empreendimento a partir da obtenção de conhecimentos e de uma preparação adequada.
desafios do empreendedor
Um dos maiores erros de quem empreende é não saber ao certo o que deve ser feito para gerenciar e manter a sua empresa. Afinal, é comum que muitos donos de negócios não tenham formação em administração. Muitos deles nem sequer atuaram no mercado em que desejam investir.

No entanto, ao adquirir uma franquia — mesmo que o empreendedor seja leigo —, o profissional terá maiores chances de sucesso, já que uma das obrigações da franqueadora é auxiliá-lo. A matriz tem toda a estrutura para trabalhar como uma consultora de negócios e pode ser responsável por aplicar o conhecimento teórico na prática.

Você tem dúvidas sobre esse assunto? Continue a leitura deste artigo e descubra por que investir em uma franquia proporciona menores riscos ao seu proprietário. Vamos começar?

Gerenciamento dos colaboradores

Para que um empreendimento alcance o sucesso, é importante que os colaboradores estejam motivados e que realmente “vistam a camisa” da empresa. Para isso, existem diversas metodologias. Uma das mais eficientes é a gestão de pessoas, ela proporciona diversas vantagens, como:

  • desenvolvimento e retenção de talentos na organização;
  • aumento da produtividade e da motivação da equipe;
  • melhoria no ambiente de trabalho.

Porém, apesar de sua importância, em muitos casos, esse conhecimento não está ao alcance de um pequeno empreendedor. Contudo, essa situação não acontece caso ele tenha investido em uma franquia, visto que é comum a matriz realizar treinamentos que permitam ao franqueado aprender técnicas de gerenciamento de pessoas.

Planejamento financeiro adequado

Sem dúvida nenhuma, a gestão financeira é um dos maiores desafios do empreendedor, uma vez que toda empresa tem que proporcionar lucros para poder se desenvolver e sobreviver.

Dessa forma, é preciso que o empresário consiga encontrar maneiras de aumentar a rentabilidade e diminuir prejuízos, permitindo que o empreendimento se torne sustentável. Para isso, além de ter um bom conhecimento sobre finanças, será necessário investir algum tempo para encontrar ralos e gargalos de dinheiro.

No caso das franquias, a franqueadora já passou por esse período de testes, ou seja, o franqueado executa um modelo que já foi testado na prática. Isso traz mais simplicidade para o negócio.

Outro ponto positivo do franchising são os treinamentos, que permitem ao empreendedor aprender técnicas de gestão financeira.

Competitividade no mercado

Não é segredo para ninguém que está ocorrendo uma mudança muito rápida no perfil dos consumidores. Esse fato obriga as empresas a se adaptarem à nova realidade do mercado para conseguirem manter a sua competitividade. Isso apenas é possível se o empreendedor estiver atento às novas tendências e tecnologias que surgem todos os dias.

Contudo, é comum a pequena empresa acabar alheia a essa inovação, já que o empresário costuma não se preocupar em se manter atualizado ou não se prepara financeiramente para realizar esses investimentos.

Essa situação dificilmente acontece com um franqueado, visto que o franqueador utiliza os recursos recebidos em royalties para financiar inovações. Esse capital também é aplicado para criar treinamentos que permitam ao franqueado a atualização quanto às novas tendências do mercado.

Para que os seus objetivos se tornem realidade, é preciso saber que os desafios do empreendedor farão parte de sua jornada. Todavia, eles poderão ser vencidos mais facilmente caso você opte por investir em uma franquia.

Caso você tenha gostado dessas dicas, curta nossa página no Facebook e receba, em primeira mão, mais posts como este. Até a próxima!